fbpx
Uncategorized

Canabidiol serve para Alzheimer? Benefícios e como comprar

Antes de descobrirmos se o canabidiol serve para Alzheimer, é necessário entender que o canabidiol é um ativo derivado da planta Cannabis sativa, também conhecida popularmente como maconha ou até mesmo cânhamo. Tem ganhado notoriedade em todo o mundo pelos seus benefícios e uso medicinal. O que é de fato canabidiol? O canabidiol (CBD) é […]

Conteúdo escrito e revisado
Medicina In Comitê Científico, atualizado em 3 de janeiro de 2023
Canabidiol serve para Alzheimer?

Antes de descobrirmos se o canabidiol serve para Alzheimer, é necessário entender que o canabidiol é um ativo derivado da planta Cannabis sativa, também conhecida popularmente como maconha ou até mesmo cânhamo. Tem ganhado notoriedade em todo o mundo pelos seus benefícios e uso medicinal.

O que é de fato canabidiol?

O canabidiol (CBD) é frequentemente abordado na mídia, principalmente quando mencionado se o canabidiol serve para Alzheimer ou não, já outras notícias você pode vê-lo como um reforço adicional ao seu pós-treino, café da manhã ou antes de dormir.

Mas o que exatamente é o CBD? E por que é tão popular? Canabidiol serve para Alzheimer?

CBD, ou canabidiol, é o segundo ingrediente ativo mais prevalente na cannabis (maconha).

Embora o canabidiol seja um componente essencial da maconha medicinal, ele é derivado diretamente da planta do cânhamo, como se fosse um “primo da maconha”, ou fabricado em laboratório.

Um das centenas de componentes da maconha, o CBD não causa “barato” por si só.

De acordo com um relatório da Organização Mundial da Saúde:

“Em humanos, o CBD não apresenta efeitos indicativos de qualquer potencial de abuso ou dependência… Até o momento, não há evidências de problemas relacionados à saúde pública associados ao uso de CBD puro”.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE
Como o canabidiol age no Alzheimer?
Como o canabidiol age no Alzheimer?

O canabidiol é legal no Brasil?

O CBD pode ser facilmente obtido na maior parte dos Estados Unidos e também no Brasil mediante a uma consulta médica com um médico que prescreva canabidiol e uma autorização da Anvisa que você pode conseguir através do site da Medicina In.

Lista de médicos que prescrevem canabidiol ou se preferir agende um pré-atendimento através do site oficial da Medicina In

Embora seu status legal exato esteja em constante mudança. Todos os 50 estados têm leis que legalizam o canabidiol com vários graus de restrição.

Em dezembro de 2015, o FDA deu uma facilitada nos requisitos regulatórios para permitir que os pesquisadores conduzissem testes de CBD.

Já em 2018, o Farm Bill legalizou o cânhamo nos Estados Unidos, tornando praticamente impossível manter o CBD ilegal – isso seria como tornar as laranjas legais, mas manter o suco de laranja ilegal.

Os benefícios para a saúde do canabidiol

O CBD tem sido elogiado por uma ampla variedade de problemas de saúde, mas a evidência científica mais forte é sua eficácia no tratamento de algumas das mais cruéis síndromes de epilepsia infantil, como a síndrome de Dravet e a síndrome de Lennox-Gastaut (LGS), que normalmente não respondem a medicamentos anticonvulsivantes. Em vários estudos, o CBD conseguiu reduzir o número de convulsões e, em alguns casos, interrompê-las completamente. O Epidiolex, que contém CBD, é o primeiro medicamento derivado da cannabis aprovado pelo FDA para essas condições.

O canabidiol para Alzheimer

O óleo de canabidioI tem ação neuroprotetora, o que significa que pode ajudar na melhora dos exames funcionais do paciente e auxiliar nas funções cognitivas. O canabidioI também pode reduzir a velocidade com que a patologia avança dando mais qualidade de vida para o(a) paciente. Ao invés de ter apenas uma ação, como muitos remédios, o canabidioI oferece uma ampla gama de efeitos que endereçam diferentes causas do Alzheimer. E é isso que o torna tão útil.

Os principais benefícios do óleo de canabidioI para Alzheimer estão em retardar a progressão da doença. Junto com uma dieta equilibrada e exercícios físicos regulares, dá para se obter resultados bem positivos no tratamento

Dr. Thiago braga – crm 183406

Quais os benefícios do canabidiol para Alzheimer?

  • Evita a rápida evolução da doença
  • Melhora na qualidade de vida geral do paciente

Leia mais em: Canabidiol para Alzheimer: Benefícios e efeitos colaterais

Canabidiol é seguro?

O tratamento com canabidioI é seguro, bem tolerado e raramente produz efeitos colaterais, mesmo em doses altas. Quando os efeitos colaterais aparecem, eles tendem a ser leves e incluem sonolência, tontura, boca seca e sedação que vão sumindo ao longo do tratamento até o ajuste de dosagem.

Os efeitos colaterais do CBD incluem náusea, fadiga e irritabilidade.

Leia mais: CBD é seguro? Entenda tudo

Como o CBD pode ser tomado?

O CBD vem em várias formas, incluindo:

  • Óleos
  • Extratos
  • Cápsulas
  • Adesivos
  • Vapes
  • Preparações tópicas para uso na pele

Se você espera reduzir a inflamação e aliviar dores musculares e articulares, um óleo, loção ou creme tópico com infusão de CBD – ou mesmo uma bomba de banho – pode ser a melhor opção.

Fora dos EUA, o medicamento prescrito Sativex, que usa o CBD como ingrediente ativo, é aprovado para espasticidade muscular associada à esclerose múltipla e para dor oncológica. Nos EUA, o Epidiolex é aprovado para certos tipos de epilepsia e esclerose tuberosa.

Conclusão do canabidiol para Alzheimer

Alguns fabricantes de CBD estão sob escrutínio do governo por alegações selvagens e indefensáveis, de que o CBD é uma cura para o câncer ou COVID-19 , o que não é. Precisamos de mais pesquisas, mas o CBD pode ser uma opção útil e relativamente não tóxica para controlar a ansiedade, a insônia e a dor crônica. Sem evidências suficientes de alta qualidade em estudos humanos, não podemos identificar doses eficazes e, como o CBD atualmente está normalmente disponível como um suplemento não regulamentado, é difícil saber exatamente o que você está recebendo.

Se você decidir experimentar o CBD, certifique-se de obtê-lo de uma fonte confiável. E converse com seu médico para garantir que isso não afete nenhum outro medicamento que você toma.

IMPORTANTE: Este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida. Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br. Em caso de emergência, procure atendimento em um hospital mais próximo.